Avaliação inicial de um imunoensaio para detecção simultânea de anti-HIV1 + 2/antígeno p24 HIV1

INTRODUÇÃO

Imunoensaios de quarta geração, que permitem a detecção simultânea de anticorpos anti-HIV1+2/Antígeno p24 HIV1, foram recentemente introduzidos na triagem sorológica para HIV com o objetivo de aumentar a sensibilidade de detecção através da redução do período de janela imunológica. Além de auxiliar no diagnóstico precoce da infecção esses imunoensaios se propõem a reduzir o número de resultados falso positivos, freqüentes em populações de baixa prevalência como a de doadores de sangue. O imunoensaio HIVcombi (Roche), realizado no equipamento Elecsys 2010 pela metodologia eletroquimioluminescente, utiliza antígenos recombinantes, derivados de polimerase e proteínas de envelope do HIV-1 (incluindo grupo O) e HIV-2 na detecção de anticorpos anti-HIV e anticorpos monoclonais na pesquisa de antígeno p-24 para o HIV-1.

OBJETIVO

Comparar os resultados de um imunoensaio eletroquimioluminescente (HIVcombi; ECLIA-Roche/Elecsys2010) de quarta geração, para detecção simultânea de anti-HIV1+2 e Ag p24HIV1, com um imunoensaio quimioluminescente de terceira geração (HIV1+2 VitrosECI).

CASUÍSTICA E MÉTODOS

Utilizamos 79 amostras incluindo 40 amostras de doadores de sangue não reagentes em dois testes de triagem HIV1+2 (VitrosECI; TetraElisa HIV1+2 Diasorin) e 39 amostras reagentes, selecionadas da rotina, no VitrosECI (indice>1)

Para a análise dos dados, considerou-se como fracamente reagentes as amostras com índice VitrosECI <10

RESULTADOS E CONCLUSÕES

Das 39 amostras reagentes no VitrosECI, 19(49%) foram consideradas como reagentes (índice:19,1-84,8) e 20 (51%) como fracamente reagentes (índice:1,02-7,19). Todas as amostras reagentes foram positivas no WB; as amostras fracamente reagentes foram WB negativas. A concordância, entre o HIVcombi e o HIV1+2VitrosECI, foi de 100% para as amostras de doadores de sangue e para as amostras reagentes/WB positivas (índices de 13,90 a 759,2). Das 20 amostras fracamente reagentes (12 delas com segunda amostra) no VitrosECI e WB negativas, 17(85%) foram não reagentes e 3(15%) reagentes no HIVcombi (índices de 3,42; 1,20 e 26,23). Os resultados sugerem que o imunoteste HIVcombi avaliado é mais específico que o HIV1+2VitrosECI utilizado em nossa rotina. O uso de painéis de soroconversão, para evidenciar infecção recente, e uma amostragem maior de doadores de sangue são necessários para uma melhor avaliação do desempenho do teste combinado.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

- LY, T.D. Seven human immunodeficiency virus antigen-antibody combination assay: evaluation of HIV seroconversion sensitivity and subtype detection. J. Clin. Microbiol. 39(9), 2001.
- LY,TD. Early detection of human immunodeficiency virus infection using third and four generation screening assays. Eur.J. Clin. Microbiol. Dis. 20, 2001. POSER,B.; ORAVEC,R.;


AUTORIA

SEADI,C.,HERMES,G. Weinmann Laboratório - Porto Alegre,RS